Robinson Faria decreta estado de calamidade pública na segurança do RN

robinson faria
Política

Robinson Faria decretou estado de calamidade pública na Segurança Pública do Estado. Segundo o decreto, publicado no Diário Oficial deste sábado (06), o motivo é a greve dos policiais civis e militares e o aumento da violência.

“Considerando o aumento dos índices de violência decorrente da paralisação das atividades dos policiais militares e civis, consoante os dados expedidos pela Coordenadoria de Informações Estatísticas e Análises Criminais da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social”, argumenta o governador Robinson Faria no decreto.

Ainda de acordo com a publicação, enquanto perdurar a situação, ficam disponíveis para atendimento aos serviços necessários do Sistema de Segurança Pública todos os bens, serviços e servidores da Administração Pública Direta ou Indireta.

Os órgãos da Segurança ficam autorizados a contratar “quaisquer serviços e bens disponíveis, públicos ou privados, com vistas ao reestabelecimento da normalidade no atendimento aos serviços de segurança pública”.

A vigência do decreto é de 180 dias a serem contados a partir deste sábado (6).

Comentários

comentários

instagramSiga-nos @mossoronoticias