Rosalba convoca prefeitos para mobilizar bancada federal em defesa do sal potiguar

Rosalba convoca prefeitos para mobilizar bancada federal em defesa do sal potiguar

política

POR Caio Vale

27/12/2017

Durante reunião realizada na manhã de hoje no Palácio da Resistência, a prefeita Rosalba Ciarlini convocou os colegas prefeitos das cidades produtoras de sal para mobilizar a bancada federal em defesa do sal potiguar. A partir do pedido da chefe do executivo mossoroense, uma comissão foi formada para cobrar ação dos parlamentares federais do estado. Entre todos os participantes foi a unânime a necessidade da união da classe política com a empresarial para defender os interesses do estado, não só no tocante à manutenção da produção salineira, como também exploração de inúmeras possibilidades pelo setor. O deputado federal Beto Rosado também reforçou a necessidade da união da bancada federal. “Precisamos defender o que é nosso. Não podemos ampliar a área de produção, mas podemos agregar valor, pois são muitas perspectivas”, destacou o deputado. Foram feitas também críticas ao tratamento diferenciado que é dado ao sal pelo Governo Federal. “O sal é tratado como alimento pelo Ministério da Saúde para bancar campanhas públicas, mas torna-se um condimento para o Ministério da Fazenda e não é beneficiado com a desoneração de impostos concedido aos produtos da cesta básica”, relatou o presidente do Sindicato da Industria de Moagem e Refino do sal do RN (Simorsal), Renato Fernandes. A previsão é que uma audiência com a bancada seja realizada no dia 22 de janeiro de 2018, já com a apresentação da Carta do Sal, que vai ser assinada pelas classes política e industrial, cobrando a publicação do decreto nacional que coloca o sal como de interesse social e econômico. A deputada estadual Larissa Rosado afirmou que a Assembleia tem feito a sua parte e está se mobilizando, inclusive com Moção de Apoio ao setor, e defendeu que seja feita uma indicação geográfica do sal para o Rio Grande do Norte. “Vamos iniciar esse trabalho na Assembleia após o recesso”, assegurou a deputada. A prefeita Rosalba se comprometeu ainda em inserir os estudos sobre o sal na Rede Municipal de Ensino e pediu o apoio da Câmara Municipal para aprovação de Projeto de Lei para que o mesmo seja aplicado nas escolas das Redes Estadual e Particular de ensino de Mossoró. “Temos que nos preocupar em preparar a população para conhecer o sal, para que ela possa defendê-lo, assim como estamos fazendo agora”, justificou. A iniciativa atende pleito do professor Dr Renato de Medeiros Rocha, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), que defendeu que o sal deve fazer parte do ensino nos municípios produtores.

Comentários

thermas nl2
Biofit nl2
modus nl2