Viaje para os EUA e compre um IphoneX (sai mais barato que comprar no Brasil)

economia e empreendedorismo

POR Vinicius Salgado

06/11/2017

Isso mesmo. Nós, brasileiros, que tivermos a intenção de comprar o novo lançamento da Apple, o Iphone X, poderemos viajar para os EUA e pagar mais barato pelo aparelho do que comprar aqui no Brasil. Tudo isso incluindo passagens e taxas. Foi divulgado nesta semana, que a versão nova e mais poderosa do smartphone da Apple, será comercializada no Brasil a partir de R$ 7 mil reais. O aparelho é a edição de número 10 do Iphone, que comemora 10 anos de mercado. Nos Estados Unidos, o valor do aparelho, já a venda, custa US$ 999, ou R$ 3.271,00 pela cotação do dia 05/11 pelo Banco Central. Contabilizando os impostos de 6% estabelecido pelo país para a compra, sai a R$ 3.467,26. Segundo cotação realizada pelo Infomoney através do site SkyScanner, voos de São Paulo para Miami estarão custando a partir de R$ 2.327,00, com ida no dia 16/11 e volta no dia 25/11. O resultado disso tudo é que: quem tem hospedagem garantida nos EUA, é possível comprar passagem e um iphone X por cerca de R$ 5.800, e conhecer um novo destino turístico. E ainda sobra cerca de R$ 1.200 para garantir a estadia e gastar os mesmo R$ 7 mil aqui no Brasil. O problema é que tudo que se faz aqui no Brasil, tem impostos. Desde a energia elétrica que você utiliza para ler esta matéria, até a roupa que você vai vestir na véspera de Natal. É um sistema complexo, desigual, cheio de brechas, gigante, e que tende a piorar nos próximos anos se tudo continuar nesse ritmo. Para se ter uma ideia, nosso país concorre a uma vaga no Guiness Book, o famoso livro dos recordes, como o país com a maior complexidade na carga tributária do mundo. “Um advogado resolveu correr atrás do número exato dessa burocracia toda. Foram quase 20 anos compilando as leis tributárias de municípios, estados e da Federação. O resultado: um livro de 7,5 toneladas, 2,21 metros de altura e 41 mil páginas contendo todas as normas tributárias do país, escritas em fonte tamanho 22.” (Spotniks) O livro concorre na categoria de mais pesado e com mais páginas do mundo. Ao todo, o trabalho custou R$ 1 milhão, dos quais, 30%, foram gastos com impostos. A nossa conclusão: por aqui é impossível fugir dos impostos e pagar o preço correto, ou pelo menos “justo” por qualquer coisa. É por isso que a sonegação vem sendo um dos principais “crimes” ocorridos nos últimos anos.

Comentários

Thermas nl2
Biofit nl2
modus nl2