Em 2015, gestão de Silveira registrou ruas sem calçamento como pavimentadas

política

POR Caio Vale

21/05/2019

O desastre administrativo do ex-prefeito Silveira Júnior ainda causa danos a Mossoró. A falta de uso de verba do Programa Federal Pró-Transporte atinge em cheio à comunidade Três Vintens e revela a irresponsabilidade da gestão que desgovernou a cidade de 2013 a 2016. Mais do que isso: de forma estranha, um erro cometido em 2015, mais  de um ano antes da saída do jovem prefeito, mostra ruas do bairro Monsenhor Américo cadastradas como pavimentadas, embora não tenham recebido os benefícios do ‘Pró-Transporte’

O mandato de Silveira Júnior não usou a verba destinada à pavimentação de ruas do Três Vintens e, como se não bastasse, incluiu na planilha oficial como se o lugar houvesse sido pavimentado.

No seu mandato, Silveira Júnior atrasou 3 meses de salários, perdeu ou não aplicou inúmeros convênios, paralisou praticamente todas as obras na cidade e não fez em nenhum ano manutenção da malha viária de Mossoró, ao se candidatar à reeleição mesmo com o palanque repleto de partidos e de muitos candidatos a vereador, desistiu de sua candidatura no meio da disputa.

É provável que mais esta mazela do seu mandato seja encaminhada ao Ministério Público. Pelo motivo da inclusão de ruas sem pavimentação como se estivessem passado por tal serviço, o que configura fraude até para efeito de prestação de contas. Não à toa o governo federal bloqueou as verbas, que podem retornar em breve ao município devido ao trabalho da secretaria de obras da nova administração. Com a possível volta do convênio do Pro-Transporte, dezenas ou até centenas de ruas deverão receber calçamento e suas calçadas construídas.

Comentários

Caio Vale

-->