Alerta

Centro de Vigilância emite nota de alerta sobre variante delta em Mossoró; veja lista de recomendações

Centro de Vigilância emite nota de alerta sobre variante delta em Mossoró; veja lista de recomendações

Foto: Reprodução

O Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS) de Mossoró, emitiu uma nota com recomendações diante de casos da variante delta no município. No documento, publicado nesta terça-feira (14), o órgão solicita reforcem a fiscalização e intensifiquem medidas de prevenção no município. Foram detectados 4 casos da variante até o momento.


Segundo o CIEVS, três dos quatro casos confirmados, foram por transmissão dentro do município. Os pacientes são: um vacinado adulto e dois jovens não vacinados.
O quarto caso é de um paciente também totalmente imunizado, mas com histórico de viagem recentemente para Campina Grande, na Paraíba. O paciente é idoso.


CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Veja as recomendações abaixo:


1. Intensificar as Vigilâncias Ativas no aeroporto, rodoviária, escolas, bares, restaurantes etc., no município;
2. Intensificar as campanhas de vacinação contra a Covida-19 para ampliação das coberturas vacinais no município;
3. Testagem oportuna com testes rápidos de antígenos e RT-PCR, rastreamento dos casos confirmados de Covid e seus contatos;
4. Manutenção do protocolo geral de prevenção: medidas de distanciamento físico, medidas de higiene pessoal (uso de máscara e higiene das mãos), medidas de sanitização de ambientes;
5. Realizar comunicação efetiva com a população, garantindo o entendimento do risco e das medidas de prevenção;
6. Esclarecer os protocolos a serem seguidos, em casos de suspeita ou confirmação de covid, bem como o cronograma de afastamento a ser seguido, nesses casos;
7. Reforçar a fiscalização para efetivo cumprimento das normas sanitárias vigentes e evitar possíveis aglomerações;
8. Preparar a rede de assistência para um possível aumento exponencial de casos de covid com a introdução e dominância da linhagem Delta em Mossoró, com a manutenção de leitos clínicos;
9. Monitorar os estoques de medicamentos e insumos utilizados, além de oxigênio;
10. Garantir a disponibilidade de equipamentos de Proteção Individual para os profissionais de saúde.


download


Comentários