Atendimento na UTI do HRTM é suspenso por falta de pagamento do governo

Atendimento na UTI do HRTM é suspenso por falta de pagamento do governo

cotidiano

POR Caio Vale

07/08/2019

Os serviços médicos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), do Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), foi suspenso por falta de pagamento do Governo do Estado a empresa Sama (Serviços de Assistência Médica e Ambulatorial). A empresa noticiou o governo nesta quarta-feira (7).

Em nota, a empresa informou que o estado não repassou nenhum valor referente aos meses de abril, maio, junho e julho desde ano. 

Além de Mossoró, os serviços também serão suspensos nos hospitais de Natal e Parnamirim. 

O governo ainda não se pronunciou sobre a notificação. 

Comentários

-->