Expressões obrigatórias para fãs de filmes e séries

Expressões obrigatórias para fãs de filmes e séries

cinema e tv

POR Karla Menezes

24/10/2017

Neste mundinho dos viciados em entretenimento, muitas vezes, rolam expressões técnicas que alguns falam como se todos entendessem. Porém, o fato é que pelo menos uma vez na vida a gente dá uma voada e apenas balança a cabeça. Hoje eu vou explicar um pouco desses termos, que para muitos de vocês, já deve soar bem familiar, mas que para outros pode ser bem útil na hora de entender uma crítica.
  • Spoiler
O famosinho. Rei dos memes. Todos odeiam e já criou-se até um termo para quem morre de medo de um: spoilerfóbico. O Spoiler nada mais é do que privar alguém da experiência de assistir a um filme, série, desenho, anime, reality... Ou seja, basicamente contar algo importante da trama, exibir um trecho, fala, roteiro, antes que o indivíduo de fato veja a obra completa. Alguns são mais maleáveis quanto ao spoiler, e consideram apenas as grandes revelações, mas outros ponderam até os trailers e teasers promocionais evitando-os. Nos casos mais extremos, até as supostas críticas, ou teorias sobre o futuro de uma história podem fazer a pessoa temer revelações indesejadas.
  • Crossover
Histórias que se passam no mesmo universo narrativo, podem ter uma fusão especial. Por exemplo: As séries da DC na TV, toda temporada se unem para um mega crossover, onde o Flash aparece nos episódios de Arrow, que por sua vez surge no Legends Of Tomorrow, que participam em Supergirl, ou todos juntos. Cada uma dessas conexões é um crossover. Um bom exemplo dos filmes são os Vingadores, onde heróis que até então possuíam suas próprias narrativas individuais se encontram em um único filme. No entanto, o cross não é aleatório, é necessário sentido para que as histórias se unam e se liguem.
  • Spin-off
É quando uma história se expande tanto, que dá origem à outra. Por exemplo, um autor cria um universo de apocalipse zumbi, porém a coisa se desenvolve a ponto das pessoas criarem curiosidade pelo desenrolar de outras situações em outros lugares, daquele mesmo universo pós-apocalíptico. O caso citado é o que acontece em The Walking Dead e Fear The Walking Dead. Um personagem pode se destacar demais em uma série e ganhar a sua própria história, como Better Call Saul, que é um derivado de Breaking Bead. Nos cinemas a história de origem do Senhor dos Anéis, é contada em o Hobbit, outro exemplo.
  • Retcon
O Retcon é um truque de roteiro para alterar algo que já foi estabelecido no começo de uma trama. Comum em continuações de filmes e muito visto em séries, já que o recurso insere em diálogos e flashbacks (que são implantados e não retirados de cenas antigas), detalhes... Que alterem o sentido os fatos da história. Os filmes dos X-Men inserem muito este artifício e confunde nossa cabecinha com uma cronologia completamente alterada a cada novo roteiro.
  • Plot Twist
Os Plot Twists são as grandes surpresas narrativas, que podem vir no fim de tudo, ou não. Necessariamente é uma virada na trama e pode ter mais de uma por temporada de série, episódio ou filme. Se alguém te conta o Plot Twist de um filme, provavelmente te dará um Spoiler.
  • Cliffhanger
É o famoso gancho para que o público almeje uma continuação, seja de um próximo filme ou episódio de uma série. A situação final que prende trás grande curiosidade. Sabe aquelas séries que a gente maratona sem nem sentir? Onde os Plot twists acontecem muitas vezes nestes momentos trazendo grande curiosidade do que virá posteriormente na narrativa.

Comentários

Thermas nl2
Biofit nl2
Modus n|2