Pesquisa Seta: Fátima tem gestão mais reprovada entre os poderes executivos em Mossoró


Pesquisa Seta: Fátima tem gestão mais reprovada entre os poderes executivos em Mossoró

Apesar de estar há pouco mais de três meses no cargo, tempo que muitos consideram como ‘lua-de-mel’ de gestores com a população, a governadora Fátima Bezerra já desponta em rejeição de 54,3% dos mossoroenses. É o que diz a pesquisa do Instituto Seta, divulgada pelo blog do Barreto. 


Também recém-empossado, o presidente Jair Bolsonaro não possui grande desempenho, mas está menos reprovado que Fátima Bezerra com 51,3%.


A administração menos reprovada pelos mossoroenses é a municipal que com a soma dos que aprovam com os que preferem não opinar – resposta que especialistas atribuem ao julgamento regular da gestão a ponto do cidadão não dizer que aprova nem que desaprova – atingiu 51,6%.


Outra pesquisa 


Na Pesquisa do Instituto Gama que o portal teve acesso a dados em primeira mão e divulgou na última quarta-feira (17), a administração municipal teve 54% de aprovação versus 40% de desaprovação. Muito embora não termos a disponibilização oficial do Instituto Gama, o portal já possuía a informação que no levantamento do instituto cearense a gestão Fátima Bezerra também figurava como a mais mal avaliada no comparativo dos executivos das três esferas (federal, estadual e municipal). 


Aparição do ex-prefeito


Francisco José Júnior ressurgiu na pesquisa espontânea com 1% de intenções de voto e superou seus antigos parceiros políticos como a sua ex-secretária de Cultura deputada Isolda (0,9%) e de Alysson Bezerra (0,6%) que teve diversas imagens viralizadas essa semana por mossoroenses em cima do palanque ao lado de Silveira Júnior, durante a eleição de 2016.


Comentários

mais notícias