Retorno da verba de gabinete dos vereadores deve ser votada sob protestos nesta quarta

Retorno da verba de gabinete dos vereadores deve ser votada sob protestos nesta quarta

política

POR Caio Vale

04/12/2018

Os vereadores de Mossoró tentarão aprovar nesta quarta-feira o retorno da verba de gabinete, suspenso desde de maio de 2016 pelo Tribunal de Contas do Rio Grande do Norte. Os movimentos MBL e Direita Mossoró estão convocando a população para ocupar as galerias da Câmara Municipal em protesto contra a aprovação.


O retorno da verba foi apresentado em regime de urgência e para isso sete vereadores aprovaram o requerimento. A proposta inicial é de uma verba de gabinete com teto de R$ 9 mil, mas no acordo que adiou a votação para está quinta-feira a ideia é um benefício de R$ 4.410 por parlamentar levando a um estrago anual de R$ 2,2 milhões ao erário municipal.

Atualmente um vereador em Mossoró recebe um subsídio de R$ 12 mil. A sessão que pode aprovar a volta da verba está prevista para ter início às 9h desta quarta.

Comentários