Sindicatos ficam insatisfeitos com proposta de Fátima

Sindicatos ficam insatisfeitos com proposta de Fátima

política

POR Alyson Oliveira

07/01/2019

Foto: Magnus Nascimento

Os sindicatos não ficaram satisfeitos com a proposta do governo do Rio Grande do Norte com relação ao pagamento do funcionalismo. Sem uma previsão para o pagamento dos atrasados, os servidores vão discutir a proposta do Executivo ainda nesta segunda-feira (7).

A proposta do governo é depositar, até o próximo dia 10, linearmente, 30% dos salários de janeiro, e completar o vencimento com os outros 70% no fim do mês. O mesmo aconteceria nos meses seguintes.

A proposta não agradou os sindicatos, que prometem debater a situação com as categorias. “Não sei como as bases do sindicato irão reagir. A proposta é muito dura para o servidor”, disse Nilton Arruda, presidente do Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol).

Atrasados

Nesta segunda-feira, Fátima não anunciou como fará para colocar em dia outras quatro folhas que estão em atraso. O governo deve os salários de novembro para quem ganha acima de R$ 5 mil, o salário de dezembro de todos os servidores, além de parte do 13° de 2017 e o 13° de 2018.

Comentários